Notícias

Mato Grosso do Sul se consolida como maior exportador de tilápia do Brasil

14 de janeiro de 2020

Pelo segundo ano consecutivo, Mato Grosso do Sul foi o primeiro no ranking dos estados que exportam carne de peixe para outros países. Em 2019 foram 901 toneladas enviadas ao mercado externo, o que representa 85,6% do total exportado no país, segundo dados do MDIC (Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços).

Os números compilados pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) mostram que o volume em toneladas exportadas subiu 32% no ano passando. Além disso, Mato Grosso do Sul aumentou em 26% o faturamento com a venda do peixe ao mercado externo, na comparação de 2019 com 2018.
 
O faturamento brasileiro com as exportações de carne de peixe somou U$ 5,6 milhões em 2019, sendo o Mato Grosso do Sul responsável por 94,3% do total. Para se ter ideia da força da piscicultura no Estado, o segundo no ranking é o Paraná com apenas 2,7% do faturamento anual do país, mesmo tendo aumentado consideravelmente sua participação no mercado de peixes em 2019.
 
Os números são referentes a tilápia, a principal espécie produzida no Brasil e o forte desempenho de Mato Grosso do Sul se deve à política de atração de investimentos implantada pela atual gestão estadual, com o investimento das industrias Geneseas e Tilabrás em empreendimentos na Costa Leste.
 
Instalada em Aparecida do Taboado, a Geneseas tem 90% da produção destinada ao mercado externo. Em 2019 atingiu a marca de 5.100 toneladas de filé de tilápia produzidos e inaugura a duplicação da unidade nos próximos meses, podendo chegar a abater 100 mil unidades por dia. A indústria da Tilabrás, em Selvíria se encontra em fase de obras.
 
Recentemente o frigorífico de peixes Mar e Terra em Itaporã foi vendido ao grupo Paturi Piscicultura Agroindustrial, com planos de expansão da unidade. Em novembro a Semagro entregou um certificado de adesão ao SISBI (Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal) para a Samak pescados, que pretende elevar a produção para 7 mil quilos/dia em Angélica.
 
Titular da Semagro, o secretário Jaime Verruck destaca que o Mato Grosso do Sul que estes são frutos da política de desenvolvimento pautada na atração de empresas. “Nos últimos anos investimos no aumento da piscicultura por acreditar na importância de diversificar a economia e temos bons resultados, como este, que demonstram um setor estruturado, forte e com potencial para continuar crescendo”, afirma.

Fonte: Semagro
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Prazo para produtor rural se cadastrar no Proacap é prorrogado para 30 de setembro 28 de maio de 2020 O prazo para que os produtores rurais de Mato Grosso do Sul façam o cadastro no Proacap (Programa de Atualização do Cadastro da Agropecuária e do ...
NOTA OFICIAL 26 de maio de 2020 A Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), entidade representativa dos produtores rurais do Estado, vem através da presente NOTA ...
Artigo: O que está acontecendo com a relação de troca bezerro/boi gordo? 21 de maio de 2020 Guilherme Cunha MalafaiaPaulo Henrique Nogueira BiscolaFernando Rodrigues Teixeira Dias Esta pergunta paira na cabeça dos pecuaristas quando vee...
Semagro e Banco do Brasil lançam crédito de R$ 30 milhões para agricultura familiar 21 de maio de 2020 Produtores da Agricultura Familiar de Mato Grosso do Sul terão disponíveis R$ 30 milhões em recursos para contratação via Pronaf (Programa Nacion...
Municípios têm até 31 de maio para protocolar pedido de participação no ICMS Ecológico 21 de maio de 2020  Os municípios sul-mato-grossenses que desejam pleitear participação no rateio do ICMS Ecológico têm até 31 de maio de 2020 para enviar ao ...
União prorroga prazo de vencimento de parcelas de débitos com Receita e Fazenda Nacional 21 de maio de 2020 O Comitê da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico Produção e Agricultura Familiar), que faz o Monitoramento das Ações ...
Área plantada do milho 2ª safra segue estimada em 1,97 milhão de hectares em MS 21 de maio de 2020 Os dados do Boletim do Projeto SIGA/MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio) reafirmou as previsões de chuvas para os próximos 15 di...


Foto: Divulgação
A Samak pescados pretende elevar a produção para 7 mil quilos/dia em Angélica