Notícias

Ranking dos maiores produtores agrícolas do país tem 12 municípios de MS

10 de janeiro de 2019

O ranking dos 100 maiores produtores do agronegócio brasileiro tem 12 municípios de Mato Grosso do Sul, conforme levantamento divulgado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Esses municípios apresentaram crescimento exuberante do Produto Interno Bruto (PIB), média de 9,81% entre os anos de 2014 e 2016.

Maracaju é o primeiro município a aparecer no ranking geral, ocupando a 15ª posição entre os maiores produtores do país. Com crescimento de 12,81% no período de dois anos (2014 a 2016), o município produziu, em 2017, 1,8 milhão de toneladas de cana de açúcar, quase 1 milhão de toneladas de soja e 225 mil toneladas de milho, conforme dados da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar). Outros municípios que se evidenciam na publicação são: Rio Brilhante (24° lugar), com expansão de 22,18%, e Nova Alvorada do Sul (82° lugar) com 25,61% de crescimento no período mencionado.
 
O levantamento do Ministério da Agricultura mostra ainda que os 100 maiores municípios do agronegócio, quando isolados, correspondem a 7,2% do Produto Interno Bruto (PIB) do país e 27,5% do Valor Bruto da Produção (VBP Lavouras).
 
Mato Grosso do Sul apresenta ainda outras nove cidades na listagem: Ponta Porã (23° lugar no ranking/11,21% de crescimento), Sidrolândia (27°/ 10,62%), Dourados (28°/6,06%), Costa Rica (49°/ 13,95%), São Gabriel do Oeste (69°/ 13,28%), Chapadão do Sul (77°/3,75%), Caarapó (90°/ 15,72%), Aral Moreira (95°/8,75%) e Laguna Carapã (96°/ 10,8%).
 
Segundo a matéria do Ministério da Agricultura, dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) referentes ao PIB Municipal de mais de 5 mil municípios mostram forte crescimento nas principais regiões agrícolas. Ao menos 82% dos municípios brasileiros, classificados como os maiores produtores do agronegócio, tiveram crescimento nominal superior à taxa anual do PIB do país que foi de 4,4% entre 2014 e 2016.
 
De acordo com o coordenador-geral de Estudos e Análises da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, José Garcia Gasques, o levantamento combina as informações do PIB Municipal com as da Produção Agrícola Municipal (PAM), referentes às lavouras permanentes e temporárias em 2017. Segundo ele, em 2016, quando trabalho semelhante foi feito, foi possível detectar que as regiões produtoras agrícolas cresceram o dobro da média do país entre 2010 e 2013.

Fonte: Semagro
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Girolando de MS é destaque no primeiro julgamento oficial de 1/4 em Uberaba 22 de março de 2019 A 2ª Exposição Interestadual de Girolando – Circuito Megaleite 2018/2019 – Etapa Uberaba marcou uma nova fase para a raça Giroland...
Com Outono, temperaturas registram declínio em todo o Estado nesta sexta-feira 22 de março de 2019 A sexta-feira (22.03) promete ser o dia mais frio da semana. A previsão é de céu nublado com pancadas de chuvas abrangendo todas as áreas de Mato ...
Produtores de florestas plantadas querem mais recursos no Plano Safra 22 de março de 2019 Entidades privadas e órgãos do governo representativos do setor florestal estiveram reunidos nesta quinta-feira (21), na Câmara Setorial da Cadeia ...
Em Cuiabá, MS discute Fundos emergenciais de saúde animal 22 de março de 2019 Dentro do Programa Nacional de Febre Aftosa (PNEFA), que prevê a retirada da vacinação no Brasil nos próximos anos, um dos temas que requer grande...
Acesso à internet no campo deve ter proposta para ampliação neste ano 22 de março de 2019 O Secretario de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Fernando Camargo, de...
Cotações da arroba do boi gordo segue em alta pelo Brasil 22 de março de 2019 A oferta curta de boiadas terminadas ainda tem ditado o rumo das cotações da arroba do boi gordo. No fechamento da última quarta-feira (20/3) as al...
Tereza Cristina diz a investidores que é hora de olhar para oportunidades 22 de março de 2019 A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) disse nesta quinta-feira (21) em Nova York a executivos de grandes fundos de inves...


Foto: Divulgação
Mato Grosso do Sul apresenta ainda outras nove cidades na listagem