Notícias

Ministério define valores do FCO e MS terá R$ 2,26 bilhões em 2019

07 de dezembro de 2018

O Ministério da Integração publicou na quarta-feira (5) um ato “ad referendum” aprovando a programação de recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) para 2019. No próximo ano, Mato Grosso do Sul terá disponíveis pelo Fundo o valor de R$ 2.260.484.623,21 para contemplar o financiamento de empreendimentos do setor Rural e Empresarial, além de outras modalidades de crédito.

“Haveria uma reunião do Condel nesta semana, mas não houve quórum dos governadores e o Ministério publicou o ato. Agora, nós temos a previsão de recursos do FCO para 2019. Dos R$ 2,26 bilhões disponíveis para Mato Grosso do Sul, R$ 24 milhões deverão ser destinados às contratações do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), em atendimento ao que determina a Medida Provisória 785/17. Nesse ponto, o Banco do Brasil terá de se adaptar, pois é um recurso reembolsável, com disponibilidade específica”, informou o secretário Jaime Verruck, da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).
 
Outra modalidade de crédito específica, já com valor definido para contratações em 2019 é o financiamento de projetos de micro e mini geração de energia solar fotovoltaica para pessoa física. “O Ministério alocou R$ 100 milhões para todo o Centro-Oeste, sendo que para Mato Grosso do Sul serão destinados R$ 24 milhões. Essa é uma linha que o Governo do Estado defendeu para ser aprovada e para a qual o banco começa a fazer a regulação no próximo ano”, comentou Jaime Verruck.
 
Também no próximo ano, os bancos cooperativos terão um montante específico no FCO, fixado em 10% do recurso total disponível para cada Estado. “Em Mato Grosso do Sul serão R$ 226 milhões para instituições como o Sicredi, Sicoob e Cresol. Essa era uma demanda do setor, que o Estado também defendeu junto ao Condel e agora teremos aporte de recurso. Ainda temos uma questão operacional a ser resolvida, pois é necessária modificação na legislação para que possa haver a operacionalização do crédito, mas já temos uma sinalização positiva nesse sentido”, aponta o titular da Semagro.
 
Contratações em 2018
 
Até o mês de novembro deste ano já foram efetivamente contratados R$ 1,899 bilhão do FCO em Mato Grosso do Sul. De acordo com o Banco do Brasil, esse valor representa praticamente 78% dos R$ 2,443 bilhões do Fundo destinados ao Estado no ano de 2018. “Vamos utilizar 100% dos 2,4 bilhões que temos disponíveis para o Estado em função da retomada da economia e do número de propostas internalizadas no banco”, afirmou o secretário Jaime Verruvk, que preside o CEIF (Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis pelo FCO)
 
“Nossa meta é manter esse nível de contratações em 2019, para isso vamos intensificar a realização de seminários e a Caravana do FCO. As reuniões do CEIF vão continuar quinzenais que a demanda projetos possa tramitar com rapidez no que diz respeito às atribuições do Conselho. O Banco do Brasil deve abrir o sistema na segunda quinzena de janeiro”, finalizou.

Fonte: Semagro
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Venda de tratores de rodas cresce 39,6% em MS no primeiro quadrimestre de 2019 21 de maio de 2019 A venda no varejo de tratores de rodas cresceu 39,6% em Mato Grosso do Sul no primeiro quadrimestre de 2019 frente ao mesmo período de 2018, passando...
Manejo do palhiço no sul de Mato Grosso do Sul prejudica canavial 21 de maio de 2019 Pesquisa realizada pela Embrapa Agropecuária Oeste, na região sul do Mato Grosso do Sul comprovou que nessa região quanto menos manejo for feito co...
Caminhoneiros boiadeiros param no PA e afetam pecuária 21 de maio de 2019 A pecuária do Pará, mais especificamente no norte do Estado, se encontra em difícil situação, relata boletim desta tarde de terça-feira da Infor...
Exportação de lácteos da Argentina aumenta 9% no 1º trimestre, para 72,6 mil toneladas 21 de maio de 2019 A exportação de produtos lácteos argentinos aumentou 9% em volume no primeiro trimestre deste ano, em comparação com igual intervalo do ano anter...
PIB do Agro cresce 0,07% em fevereiro, mas cai 0,46% no 1º bi 21 de maio de 2019 O PIB do agronegócio calculado pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecu...
Calor durante o dia e frio no início da noite; sem previsão de chuva na maior parte de MS 21 de maio de 2019 O calor deve continuar nesta terça-feira (21). Uma massa de ar seco ganhou força sobre o Centro-Oeste e ainda atua na maioria das áreas . Mesmo com...
Custos de produção de suínos e de frangos de corte caem 2% em abril 21 de maio de 2019 Os custos de produção de suínos e de frangos de corte calculados pela CIAS, a Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa, caíram 2,16% ...