Notícias

Produtores rurais de MS destacam-se em premiação concedida pela Dinheiro Rural

12 de janeiro de 2018

Produtores rurais de Mato Grosso do Sul foram destaque na premiação As Melhores Empresas do Agronegócio em 2017,  concedida pela revista  Dinheiro Rural e publicada na edição dezembro/17 janeiro/18. Fazendas com criação de gado e agricultura de Campo Grande e Maracaju aparecem no topo do ranking das categorias Fazenda Sustentável e Genética Nelore.

 
“São importantes exemplos de boas práticas no agronegócio que têm de ser divulgados e parabenizados. É esse o modelo de desenvolvimento sustentável que a Semagro estimula por meio de programas como o Precoce MS, Resenha Virtual e outros que estamos aprimorando, além do trabalho realizado pelos nossos órgãos vinculados”, lembra o secretário adjunto Ricardo Senna, da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).
 
A propriedade rural Sapé Agro, pertencente ao pecuarista e secretário estadual de Governo, Eduardo Riedel foi classificada como Ouro na categoria Fazenda Sustentável. Na fazenda localizada em Maracaju é feito o plantio de grãos, criação de gado de corte e de leite e há um projeto técnico de educação no campo.
 
“Em sua gênese a fazenda é uma atividade de longo prazo. É preciso enxergar um horizonte bem maior para definir os investimentos e garantir lucratividade”, disse Eduardo Riedel em entrevista à Revista Dinheiro Rural.
 
Na mesma categoria, o Grupo Atallah dos irmãos Atallah de Campo Grande, ficou na categoria prata empatado com propriedades do Mato Grosso, que também ocuparam a colocação bronze.
 
Já na categoria Genética Nelore, a Genética Aditiva de Campo Grande, pertencente Eduardo Foley Coelho e Simone Spengler Coelho alcançou o topo do ranking. O trabalho começou a ser desenvolvido em 1940 e o cuidado com o rebanho passou de pai para filho.
 
A Revista destacou que entre os 10 primeiros touros mais bem colocados no sumário da Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores de 2017, oito foram produzidos pela Genética Ativa.  No sumário Geneplus/Embrapa, os nove primeiros também são da empresa.
 
Mato Grosso do Sul também aparece na segunda posição da categoria Gado de Produção, com a Fazenda 3R pertencente ao pecuarista Rubens Catenacci, de Figueirão.

Fonte: Semagro MS
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Boi gordo: maior preço nominal desde dezembro de 2016 21 de setembro de 2018 As altas consecutivas da cotação da arroba do boi gordo continuam e no fechamento da última quinta-feira (20/9) em sete praças pecuárias o preço...
Inmet prevê episódio de El Niño no fim da primavera 21 de setembro de 2018 A Primavera começa no próximo sábado (22), às 22h53 e termina no dia 21 de dezembro, às 20h22 (início horário de verão). Os principais centros...
Bill Gates financia o desenvolvimento de nova vacina contra febre aftosa 20 de setembro de 2018 O Instituto Pirbright, do Reino Unido, anunciou que recebeu uma doação de 2,1 milhões de libras (2,7 milhões de dólares) da Fundação Bill e Mel...
Holanda é a segunda maior exportadora do agronegócio 20 de setembro de 2018 A Holanda é a segunda maior exportadora do agronegócio mundial, exportando US$ 110 bilhões por ano, atrás apenas dos Estados Unidos e à frente do...
De olho no abate de fêmeas 20 de setembro de 2018 O mercado de reposição segue sua trajetória de alta e as cotações já acumulam valorização de 2,1% desde o início de julho.Na comparação sem...
Falta boi e preço sobe 20 de setembro de 2018 A expectativa era de que os preços do boi perdessem força à medida que o fim do mês se aproxima, mas indo na contramão, o mercado fechou está qu...
Maggi diz que Brasil vai reforçar barreiras contra peste suína 20 de setembro de 2018 O Ministro da Agricultura, Blairo Maggi, declarou que o Ministério da Agricultura (Mapa) orientou profissionais do Sistema de Vigilância Agropecuár...


Foto: Reprodução