Notícias

Mercado do milho mais frouxo na segunda metade de novembro

06 de dezembro de 2017

Após as valorizações iniciadas em agosto deste ano, o mercado de milho trabalhou em ritmo mais calmo na segunda quinzena de novembro.

Na comparação com outubro último, o volume diário exportado em novembro teve queda de 17,7%, o que, associado à menor movimentação no mercado interno e a boa oferta colaborou com o cenário de preços mais frouxos em São Paulo e Minas Gerais, por exemplo. No Centro-Oeste as cotações estiveram mais firmes.

 

Segundo levantamento da Scot Consultoria, na região de Campinas-SP a saca de 60kg do cereal fechou cotada em R$29,80 (30/11), frente a negócios em até R$32,00 por saca no início do mês. No início de dezembro, a referência estava em R$30,00 por saca.

 

Até o início da colheita da safra de verão ou primeira safra, a expectativa é de mercado firme e altas de preços não estão descartadas.

 

Apesar das recentes quedas no ritmo dos embarques, em função da concorrência crescente com o milho norte-americano, a exportação deverá apresentar bom desempenho até pelo menos o primeiro bimestre de 2018.

 

Cabe destacar, porém, que o grande volume estocado no país deverá conter as valorizações no mercado interno. Outro ponto importante é a menor movimentação no mercado doméstico no final de ano, o que pode dar uma esfriada no cenário.

 

A Conab estimara em 19,20 milhões de toneladas os estoques finais em 2016/2017 e 24,09 milhões de toneladas ao final de 2017/2018. Para uma comparação, em 2015/2016, quando os preços dispararam, os estoques finais eram de 6,95 milhões de toneladas.

 

Para o pecuarista que precisará de milho para os próximos três ou quatro meses (até março/18), mantemos a sugestão de antecipar a compra do cereal, diante da expectativa de alta de preços no mercado interno.

 

Este final de ano e começo de 2018 poderão trazer oportunidades de compras, considerando a menor movimentação.


Fonte: Scot Consultoria
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Núcleo de Criadores de Girolando MS homenageiam Jonatan Barbosa com troféu 14 de dezembro de 2017 O presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Jonatan Pereira Barbosa, recebeu hoje das mãos de diretores do Núcleo d...
Morre Bacana da MN, destaque da bateria Nelore da CRV Lagoa 14 de dezembro de 2017 Mais um grande touro deixa o cenário pecuário em 2017. No dia 9 de dezembro morreu C8288 da MN, também conhecido como Bacana da MN. O reprodutor, q...
Categorias mais eradas movimentam o mercado de reposição de bovinos 14 de dezembro de 2017 Com as pastagens em plena recuperação, os invernistas buscam animais de categorias mais eradas para serem terminados no período das águas, realiza...
Mercado do boi gordo firme; arroba cai em Campo Grande 14 de dezembro de 2017 Com exceção das praças pecuárias de Campo Grande-MS, Norte do Tocantins e Sudeste de Rondônia, onde a cotação da arroba do boi gordo caiu na ú...
Ministro diz que Brasil está perto de retomar envio de carne in natura aos EUA 14 de dezembro de 2017 O Brasil está "muito próximo" de retomar as exportações de carne bovina in natura para os Estados Unidos, o que deve ocorrer no início ...
Operação Carne Fraca derrubou exportação de carnes suína e de frango em 2017 14 de dezembro de 2017 Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) estimou que o país, que responde por cerca de 40% das exportações globais de frango, poderia ter...
Agropecuária tem melhor saldo de empregos em MS no acumulado de dez meses de 2017 14 de dezembro de 2017 A agropecuária foi o setor da economia de Mato Grosso do Sul que obteve o melhor saldo de empregos, a diferença entre contratações e demissões co...