Mato Grosso do Sul bate recorde na venda de gado gordo em pé no mês de julho

04 de agosto de 2017

O mês de julho deste ano bateu todos os recordes de venda de gado gordo para outros estados. Segundo balanço feito na Secretaria de Estado de Fazenda do Mato Grosso do Sul (Sefaz), o número de animais saltou para 44 mil cabeças.

Antes da redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na venda do gado para outros estados o número de cabeças não chegava a 5 mil.

O presidente da Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), Jonatan Barbosa, recebeu a notícia na manhã desta sexta-feira (04) e está muito feliz com o resultado alcançado no primeiro mês. “Está valendo a pena não só para o produtor que está tirando o boi do pasto e conseguindo honrar seus compromissos, mas também para o Estado que está arrecadando o que não arrecadaria sem essa redução”.

Segundo a superintendência da Sefaz, em julho do ano passado a venda de gado em pé para fora do Estado chegou em 16 mil, quase três vezes menos que o vendido neste ano.


A solicitação para redução da alíquota do ICMS partiu da Acrissul. No começo de junho Jonatan Barbosa foi pessoalmente até o gabinete do Governador Reinaldo Azambuja protocolar a solicitação de redução de 12% para 7% e, no dia 21 do mesmo mês, em reunião com representantes do setor produtivo, deputados e secretários, Azambuja aprovou a redução, que começou a valer em 01 de julho durante 90 dias. 

Fonte: Luciana Petelinkar – Assessoria de Imprensa Acrissul