Notícias

Com preços do milho abaixo do valor mínimo, negociações permanecem lentas em Caarapó

19 de abril de 2017

Na região de Caarapó (MS), a produção de milho safrinha tem uma expectativa "excelente", como informa o presidente do Sindicato Rural do município, Antônio Umberto Maran. O milho, segundo ele, está bastante adiantado e se espera uma produtividade de 90 a 100 sacas por hectare, uma safra recorde.

Quanto à umidade, os produtores não enfrentam problemas. A preocupação, mesmo, é com as geadas. No entanto, Maran destaca que, se não houverem geadas até o próximo dia 15 de junho, 90% da produção está garantida. Como o clima vem mudando e as geadas, normalmente, estão ocorrendo mais tarde, isso não vem afetando a safrinha. Na questão de sanidade, as lavouras também apresentam situação favorável.

O problema para os produtores está no preço e no armazenamento. No município, o preço gira em torno dos R$18 e o preço futuro, em torno de R$16 para entrega em junho e julho. Poucas pessoas realizaram contratos porque esse preço não paga os custos de produção, de acordo com Maran.

O presidente destaca que os produtores maiores, que têm condições de guardar seu milho, podem esperar. Os armazéns estão cheios de soja, sendo que 60% da oleaginosa ainda não foi comercializada. Se o preço mínimo do milho, de R$19,20, fosse garantido, muitos produtores iam vender, como acredita Maran, mas as expectativas são ruins.

Porém, o problema do milho a céu aberto, como ocorre no Mato Grosso, não deve se tornar real no estado, em função do clima diferente. Alguns produtores têm, ainda, a opção de armazenar seu milho em silo bolsa.

Os valores da soja na região também não são considerados vantajosos para os produtores, uma vez que giram em torno de R$52.


Fonte: Notícias Agrícolas
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Caminhos do Produtor chama sociedade para movimento de caminhoneiros 25 de maio de 2018 O Programa Caminhos do Produtor, que vai ao ar hoje a partir das 22 horas pelo Canal 181 da NET aborda, entre outros assuntos, os reflexos do moviment...
"Não cabe ao Congresso definir preço de combustíveis", diz Eunício 25 de maio de 2018 O presidente do Senado, Eunício Oliveira, disse nesta sexta-feira (25) que não cabe ao Congresso definir preço de combustíveis. Evitando se posici...
Mesmo após acordo, caminhoneiros mantêm 37 pontos de interdição em MS 25 de maio de 2018 Mesmo após acordo com o governo federal, anunciado na noite de ontem (25), os caminhoneiros mantêm 37 pontos de interdição em rodovias federais de...
Na internet, caminhoneiros negam acordo com o governo 25 de maio de 2018 As propostas anunciadas pelo governo federal para tentar conter a manifestação dos caminhoneiros não foi recebida por unanimidade pela categoria. E...
Alta do petróleo encarece exportação de carne 25 de maio de 2018 A alta de preços do petróleo e o aumento de embarques para o Extremo Oriente, principalmente após o embargo russo às proteínas bovina e suína do...
Greve dos caminhoneiros dificulta logística do mercado do boi gordo 25 de maio de 2018 Com as dificuldades de logística, em geral, não há referência no mercado do boi gordo e as escalas pararam de avançar. A última alta do preço d...
ABPA: cadeia de aves e suínos está com 120 plantas frigoríficas paradas 25 de maio de 2018 A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) alerta para o descumprimento de uma promessa feita pelas lideranças dos caminhoneiros, na quarta...