Notícias

Acrissul defende qualidade da carne sul-mato-grossense

20 de março de 2017

O presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Jonatan Pereira Barbosa, se reuniu na manhã desta segunda-feira (20) com membros da diretoria da entidade e da Fenapec (Frente Nacional da Pecuária) para tratarem sobre a Operação Carne Fraca, desencadeada pela Polícia Federal.

Preocupados com o impacto negativo que já afetou a cadeia produtiva da carne, os presentes elaboraram uma Nota de Esclarecimento a toda sociedade onde explicam que, entre outros pontos, que nenhum frigorífico ou produtor de Mato Grosso do Sul está envolvido nas denúncias da operação, além de frisar que a pecuária do estado é a melhor do país, sempre investindo em melhoramento genético, nutrição, mão de obra qualificada, boas práticas e manejo sanitário adequados.

A nota também lembra que antes de chegar às mesas dos consumidores, a carne passa por um rigoroso controle de qualidade, que começa desde antes da porteira, passando por fiscalização federal e estadual e, ainda nas gondolas dos supermercados, é submetida ao meticuloso monitoramento da vigilância sanitária para garantir o padrão de qualidade.

Reunião com entidades do setor produtor

Ainda hoje, o presidente da Acrissul se reuniu com representantes do Governo Estadual e entidades ligadas ao setor para discutir meios de minimizar o problema. Uma carta aberta foi criada no intuito de esclarecer a população que os frigoríficos do estado não têm relação com os problemas encontrados nas empresas do Paraná, Minas Gerais e Goiás.

Estavam na reunião, além de Jonatan Barbosa, o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico Jaime Verruck, o presidente da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária), Mauricio Saito; o superintendente federal de Agricultura em Mato Grosso do Sul, Celso Martinez e o presidente da Fiems (Federação das Indústrias de MS), Sérgio Longen; o secretário estadual de Gestão Estratégica, Eduardo Riedel; o adjunto da Semade, Ricardo Senna; o diretor-presidente da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), Luciano Chiocheta; o presidente da Fecomércio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), Edison Araújo; o presidente do CRMV (Conselho Regional de Medicina Veterinária), João Vieira; o presidente da Associação Sul-mato-grossense de Novilho Precoce, Nedson Rodrigues; o presidente do MNP (Movimento Nacional de Produtores), Rafael Gratão; o presidente do Sicadems (Sindicato das Indústrias de Frios, Carnes e Derivados de Mato Grosso do Sul), Ivo Scarcelli; o presidente da OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras no Mato Grosso do Sul), Celso Regis; o presidente da Embrapa, Cleber Soares e o presidente da Faems (Federação das Associações Empresariais do Mato Grosso do Sul), Alfredo Zanutti.

79ª Expogrande

O Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, reiterou hoje a vinda para a solenidade de abertura da 79ª Expogrande no Parque de Exposição Laucídio Coelho, marcada para às 19h do dia 30 de março.

Leia aqui a Nota de Esclarecimento da Acrissul
.


Fonte: Luciana Petelinkar - Assessoria de Imprensa Acrissul / Expogrande
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Após 8 anos livre, Colômbia detecta foco de aftosa 26 de junho de 2017 A Colômbia registrou seu primeiro foco de febre aftosa desde 2009, quando o país foi declarado livre da enfermidade que afeta o gado. O caso pode im...
"A JBS manipula o mercado nos Estados Unidos", diz carta de associação 26 de junho de 2017 “Se as acusações estiverem corretas, então a JBS zombou das leis dos Estados Unidos. Se construiu seu império utilizando meios ilegais, ele ...
Carne brasileira teme novas restrições estrangeiras 26 de junho de 2017 Os próximos dias serão tensos para a cadeia da carne brasileira. O setor torce para que mercados com mais peso, como o Japão e a União Europeia, p...
É improvável que vacina cause abscesso em carne, diz indústria veterinária 26 de junho de 2017 Não é provável que a vacina seja a causa de abscessos encontrados pelo governo dos Estados Unidos na carne brasileira, problema este citado como um...
Carne do Brasil não oferece risco aos EUA, diz governo; vacina em xeque 26 de junho de 2017 Os problemas apontados pelos Estados Unidos em relação à carne brasileira não oferecem risco à saúde pública e há indicações de que os absce...
Pecuaristas gastam até 600 milhões por ano com vacina da aftosa 26 de junho de 2017 Sebastião Guedes, vice-presidente do Conselho Nacional de Pecuária de Corte (CNPC), afirma que o embargue de carne brasileira pelos Estados Unidos, ...
Formação de abscessos pode estar relacionado a problemas de manejo, afirma pecuarista 26 de junho de 2017 A formação de abscessos, principal argumento utilizado pelo governo norte-americano para suspender a importação de carne in natura do Brasil, pode...


Foto: Luciana Petelinkar - Assessoria de Imprensa Acrissul / Expogrande
Diretoria da entidade e da Fenapec discutiram rumos para minimizar impactos negativos