Notícias

Safra de milho colabora para alta de 8,4% no valor da produção agrícola

17 de fevereiro de 2017

A produção de milho em 2017 deve influenciar em até 8,4% no VBP (Valor Bruto da Produção Agropecuária) de Mato Grosso do Sul. A previsão foi divulgada pela Mapa (Ministério da Agricultura e Pecuária) e os produtos agropecuários produzidos no Estado, podem proporcionar R$ 29,1 bilhão neste ano.

Segundo as estatísticas, em comparação com 2016, o valor bruto da produção do milho foi de R$ 3,9 bilhões, saltando para R$ 5,4 bilhões neste ano.

Outro segmento que deve ter crescimento este ano é o da cana-de-açúcar. Em 2016, o valor bruto foi de R$ 3,8 bilhões e este ano deve aumentar 3,1%, indo para R$ 3,9 bilhões.

A soja lidera com a colaboração do VBP deste ano, tendo estimativa de gerar R$ 8,6 bilhões para Mato Grosso do Sul. Porém, com o número previsto para este ano, há uma queda de 3% em comparação com 2016, que a produção do grão foi de R$ 8,9 bilhões.

O total das lavouras estimado pelo Mapa este ano é de R$ 18.861.032.252, valor 8,4% maior que em 2016, que foi de R$ 17.399.811.350.

Pecuária

O Mapa estima para 2017 queda de 3,9% na pecuária, passando de R$ 10.720.681.110 em 2016 para R$ 10.297.507.587 este ano.

Essa queda é puxada pela pecuária bovina, que deve ter recuo de 3,5% em um ano. Em 2016, o valor bruto da produção foi de R$ 7.988.462.718 e em 2017 a previsão é de R$ 7.704.707.642. Mesmo assim, a pecuária bovina ainda lidera o VBP do Estado.

Além dos bovinos, há previsão de queda de 9,9% na produção de frangos este ano. Conforme os números do Mapa, o valor bruto deste ano deve ser de R$ 1.646.984.481. Em 2016, o valor foi de R$ 1.827.464.730.

Em contrapartida, a produção de ovos no Estado deve crescer, segundo os números do VBP. Ano passado, o valor era de R$ 174.281.201 e este ano sobe para R$ 189.535.140.

Somando os valores da pecuária e das lavouras, o VBP de Mato Grosso do Sul, conforme previsão do Mapa em janeiro de 2017, deve ser de R$ 29.158.539.840, crescimento de 3,6% em relação ao ano passado.


Fonte: Campo Grande News
Voltar Imprimir
Deixar um comentário
Nome
Comentário
 

Notícias recentes

Mercado turbulento faz preços da carne subir 26 de maio de 2017 Mercado em alta.Estamos no final do mês, época de redução nas vendas de carne. Ou seja, não há situação de consumo que justifique tal comporta...
Tempo fechado no mercado do boi gordo 26 de maio de 2017 O olho do furacão que afeta a política e a economia foi a delação dos donos e executivos da JBS, o maior cliente da pecuária nacional. Com isto, ...
A indicação ao pecuarista é trabalhar com diversos compradores, com lotes menores e preferencialment 26 de maio de 2017 Anderson Sobrinho: Com o pessoal se recusando a vender para a JBS, isso é um tiro no pé da pecuária?Hyberville Neto: Eu acredito que o tiro no pé ...
Operação Carne Fraca fez 60% dos brasileiros diminuírem o consumo de carne 26 de maio de 2017 Mercados já foram reabertos, imprecisões esclarecidas, mas os reflexos da Operação Carne Fraca, deflagrada em março pela Polícia Federal, contin...
Boi gordo: Margem da indústria dispara e está em 35,0% 26 de maio de 2017 Embora ainda pressionado e “digerindo” os acontecimentos recentes, o mercado não sofre mais mesma a pressão de baixa dos primeiros dias ...
Delação da JBS não afetou mercado de carne, diz Marfrig 26 de maio de 2017 Apesar da incerteza provocada pelas delações da JBS à Justiça, o mercado de carne bovina interno e externo segue operando normalmente. Foi o que a...
Oferta de carne pode cair com escândalo de delação da JBS; beneficia concorrentes, diz Abrafrigo 26 de maio de 2017 Os desdobramentos do escândalo de corrupção envolvendo a delação da cúpula da JBS podem resultar em uma diminuição da oferta de carne no país...