Colunistas

Jonatan Pereira Barbosa

Palavra do Presidente

Presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul)

Vencendo desafios

Terça, 16 de fevereiro de 2016 às 12h04

Os n√ļmeros n√£o mentem: √© o agroneg√≥cio o setor que alavanca o Brasil. E como contra fatos n√£o h√° argumentos, as estat√≠sticas de emprego recentemente divulgadas pelo Minist√©rio do Trabalho mostram que no Centro-Oeste brasileiro, o “silo do Brasil”, n√£o h√° desemprego, pelo menos no setor do agroneg√≥cio. √Č o √ļnico setor que prev√™ manter os empregos gerados, influenciado pelo avan√ßo na produ√ß√£o, investimento em tecnologia, capacita√ß√£o, al√©m das taxa de c√Ęmbio que favoreceram as exporta√ß√Ķes de carnes e gr√£os.
 

O agroneg√≥cio brasileiro, apesar dos reflexos da grave crise econ√īmica semeada aosd quatro ventos vem, gra√ßas √† excel√™ncia de seus produtos prim√°rios, al√©m do volume produzido, que s√≥ tem aumentado ao longo dos anos, mostrando que a efici√™ncia do setor rural cresce na mesma medida em que o campo demarca um territ√≥rio que tamb√©m sofre com a crise, mas continua rompendo barreiras e expandindo cada dia mais seus horizontes.
 

As exporta√ß√Ķes brasileiras, lideradas por produtos agropecu√°rios como soja, celulose, milho e carnes, j√° iniciaram o ano com crescimento. Em volume exportado, as carnes de frango, bovina e su√≠na tiveram, respectivamente, crescimento de 14,8%, 10% e 65,3% em janeiro deste ano. O volume das exporta√ß√Ķes brasileiras do agroneg√≥cio aumentou 8,7% em janeiro deste ano, em compara√ß√£o com o mesmo m√™s de 2015, tendo como destino principal a China.
 

Se por um lado a alta cota√ß√£o do d√≥lar tem estimulado as exporta√ß√Ķes, por outro alguns setores ainda sofrem aumento no custo de produ√ß√£o por conta da necessidade de importa√ß√£o de alguns insumos. Desde dezembro o crescimento nas exporta√ß√Ķes de milho, outro exemplo, provocou uma disparada no pre√ßo do gr√£o, afetando sobremaneira setores como a suinocultura e a avicultura, que dependem essencialmente do produto.
Apesar de agir com certo atraso, o governo federal já começou a colocar no mercado parte de seus estoques reguladores, o que pode trazer algum alívio para o mercado, que deve garantir esse ano um aumento nos estoques internos de milho, já que a produção mundial também tende a crescer.
 

A reconquista no ano passado de importantes fatias no mercado Oriental já está reabrindo as portas para as carnes brasileiras. No início deste mês a China já habilitou 17 novas plantas frigoríficas para exportarem carnes bovina, suína e de aves. O resto agora depende da negociação entre frigoríficos e importadores chineses.
 

√Č nesse clima de otimismo, com o recente lan√ßamento do Plano de Pr√©-Custeio da Safra pelo Banco do Brasil, √© que a Acrissul prepara a realiza√ß√£o da 78ª edi√ß√£o de sua Expogrande, a maior feira agropecu√°ria do Centro-Oeste, que tornou-se ao longo dos anos uma vitrine para a excel√™ncia dos produtos sul-mato-grossenses e tamb√©m uma verdadeira “Meca” da pecu√°ria nacional.
 

De 7 a 17 de abril o Parque de Exposi√ß√Ķes Lauc√≠dio Coelho sediar√° mais uma Expogrande, cheia de novidades, com o recinto recebendo melhorias para dar mais conforto e seguran√ßa para toda a sociedade.
 

Na agropecu√°ria mais do que nunca vale a m√°xima “n√£o fale em crise, trabalhe”.
 

Voltar Imprimir


Cota√ß√Ķes de 03/07 - MS

R$ 205,00 Boi gordo - Campo Grande
R$ 190,00 Vaca gorda - Campo Grande
R$ 2200,00 Bezerro nelore 12 meses - Campo Grande